terça-feira, 3 de julho de 2012

UNUM participa de mesa redonda sobre RH

A noite de 27 de junho passado foi concorrida no CDL Fortaleza: no auditório Gervásio Pegado foi lançado o “Guia de Palestrantes e Facilitadores do Ceará – 2012”, e realizada mesa redonda sobre um tema em destaque nos meios empresariais – “Investir nas pessoas gera lucro?”

O Guia tem edição anual e reúne informações sobre palestrantes e facilitadores, com o intuito de possibilitar aos gestores de RH e Marketing a busca do profissional mais adequado para dar palestras em suas empresas, e foi apresentado aos participantes do evento pela palestrante Madalena Mattos.

Quanto à mesa redonda, participaram como convidados José Luís Ribeiro do Prado, presidente da UNUM Tecnologia e Consultoria em Informática Ltda., Antenor Tenório de Brito Júnior, vice presidente da ABRH/CE, José Nunes de Almeida Neto, diretor de Relações Institucionais e Comunicação da Coelce e Luís Antônio Rabelo da Cunha, vice presidente do CRA/CE.

Sobre um tema tão presente nas discussões atuais, “Investir nas pessoas gera lucro?”, todos os palestrantes expressaram seus posicionamentos, onde, de uma ou outra forma, houve a convergência no sentido do quanto é importante para a evolução de uma empresa investir no seu corpo funcional.


Neste particular, José Luís Ribeiro do Prado explanou sobre a maneira como a UNUM investe em seu quadro de pessoal, esclarecendo que todos são sócios da empresa, o que a diferencia das demais, inclusive na política de incentivo à ascensão profissional.

“Promover o desenvolvimento das pessoas é promover o crescimento da UNUM”,
disse José Luís, e este entrelaçamento é fundamentado por três pilares que norteiam a metodologia da UNUM, que são Processo, Produtos e Pessoas.

“Quanto mais qualificadas e satisfeitas são as Pessoas, melhores os Processos, e conseqüentemente os Produtos”, enfatizou.

José Luís finalizou destacando que a UNUM aprecia muito as iniciativas próprias de seus sócios no rumo do auto desenvolvimento, inclusive pela possibilidade existente dele poder realizar, dentro da empresa, o exercício de suas atividades de acordo com suas melhores características, unindo com isso maior desempenho e, conseqüentemente, melhor produtividade e qualidade de produto, além de ocasionar a retenção voluntária de seus talentos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário